A vice governadora Margarete Coelho (Progressistas) participou da VI Edição do Cultura Negra Estaiada na Ponte. Margarete defendeu a inclusão dos povos de matrizes africanas e diz ser contra a intolerância religiosa.

No seu Facebook ela escreveu: “Igualdade e inclusão dos povos de matriz africana é a proposta da sexta edição do Cultura Negra Estaiada na Ponte. Grupos afros se apresentaram durante o evento que contou com a presença do príncipe da Nigéria Baba Edimula. A caminhada ao som de muito batuque e intervenções artísticas lembra o respeito e a valorização de todos. Muito Axé para os que lutam pela intolerância religiosa e equidade racial”.

Deixe seu comentário
COMPARTILHAR