Em uma ação conjunta entre a Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT e o 11º Batalhão de Polícia Militar, resultou em mais um veículo clandestino apreendido na região do semiárido piauiense.

De acordo com Clemilson Santana, supervisor da ANTT no Piauí, o veículo foi interceptado na cidade de São João do Piauí com 11 adultos e três crianças indo de Picos/PI para várias cidades do estado de São Paulo.

No momento da abordagem, o veículo apresentou problema no pneu, evitando-se uma tragédia caso esse problema ocorresse com o veículo em movimento. Após consultas aos sistemas, constatou-se que o veículo possuía mais de 30 infrações por excesso de velocidade.

As atividades de fiscalização foram intensificadas nesse mês de maio em razão da campanha Maio Amarelo de prevenção a acidentes de trânsito. Além de ter como objetivo a diminuição de mortes nas rodovias e o alto custo gerado ao SUS, a campanha visa diminuir a ocupação dos leitos hospitalares, beneficiando assim os pacientes que necessitam dos referidos leitos para o tratamento da Covid-19.

Clemilson disse ainda que a ANTT segue intensificando as ações de fiscalização no estado do Piauí e faz um alerta sobre os riscos do transporte clandestino. “Dos meses de março, abril e maio, mais de 50 veículos foram apreendidos e os riscos são muitos, que vão desde a falta dos itens de segurança obrigatórios, como a falta de treinamento dos motoristas para o transporte de passageiros. A população pode fazer denúncias através do site da ANTT ou através do telefone da nossa Ouvidoria. A ANTT sempre recomenda às pessoas que forem utilizar o transporte interestadual, que o faça com empresas regulares”.

Os passageiros foram encaminhados para o Terminal Rodoviário da cidade e o veículo ficará apreendido no pátio credenciado da ANTT. A multa por realizar transporte clandestino de passageiros é de R$ 7.800 além do infrator arcar com todas as despesas de guincho, pátio, alimentação e hospedagem dos passageiros até o destino final.

A ANTT alerta para os perigos do transporte clandestino e informa que os trabalhos no estado do Piauí não tem data para acabar. Em caso de dúvidas ou denúncias, a população deve entrar em contato através da Ouvidoria da ANTT no telefone 166 ou pelo site antt.gov.br.

Deixe seu comentário
FONTECom informações da Ascom/ANTT
COMPARTILHAR